Viagem com bebê: nossa primeira experiência com Theo

IMG_0065

Agora tudo mudou, minha gente! Nada de programar viagens muito longas, nada de hostels, nada de montar roteiros nível hard, com milhões de coisas para fazer em um só dia. Nossa vida agora inclui uma malinha nova, nosso bebê gostoso, que chegou para transformar tudo, inclusive nossa forma de viajar. Mas isso não quer dizer não viajar, afinal, acho super válido viagem com bebê – tanto que já estamos programando nossas férias, uhuuul! Mas a primeira experiência foi uma viagenzinha curta que fizemos durante o Carnaval para a Praia dos Carneiros, aqui em Pernambuco (aos três meses de vida do Theo). Já escrevi lá no meu outro blog, o Essa Vida de Mãe, sobre esse passeio, mas conto para vocês por aqui (quem quiser ler dicas sobre os cuidados com o bebê, vai lá! Tem também o post completo com o check list de viagem para praia com bebê ).

viagem com bebê - praia dos carneiros

Como foi nossa primeira viagem com bebê

Sem dúvidas, o primeiro maior impacto que se tem ao fazer uma viagem com bebê é a mala. Aliás, as malas. Pelo menos para passar uns dias fora, em outra casa, temos que levar uma mudança junto. Claro que estou falando sobre esse tipo específico de viagem, mas com certeza a bagagem muda bastante em qualquer passeio depois de se ter um baby para levar junto.

Viagem de carro

Carneiros fica a 110 km de Recife. Pegamos um trânsito ainda na cidade (sexta-feira, abertura do Carnaval, final da tarde… já viu, né?!) e demoramos umas duas horas e pouco até chegar lá. Antes de sair de casa, Theo mamou para ir com o tanque cheio e só mamar de novo quando chegássemos ao nosso destino. No caminho ele dormiu um pouco, mas algumas vezes acordou e ficou abusadinho, querendo sair do bebê conforto a todo custo – ele não gosta de ficar muito tempo sentado. Mas eu estava com meu celular em mãos e tenho o app de sons que acalmam o bebê e foi tiro e queda (ufa)! Sempre que ele estava muito agitado eu colocava o barulhinho que imita o de um secador de cabelo e ele se aquietava na hora. E em pouco tempo dormia de novo. Um brinquedinho também ajudava a distrair de vez em quanto. De qualquer forma, depois de certo tempo de viagem, paramos num posto para eu ir no banheiro e demos uma voltinha com ele.

Para onde ir?

A gente queria viajar no Carnaval, mas alguns pontos foram pensados na hora de escolher o destino. Queríamos um lugar tranquilo, em primeiro lugar, e que não fosse tão longe do Recife por conta do deslocamento. Outra coisa importante era a hospedagem. Como a gente sabia que iria ficar muito tempo em casa com Theo, tinha que ser um lugar agradável. Por isso escolhemos a Praia dos Carneiros e uma casinha à beira-mar lá no Sítio Boa Esperança. Melhor impossível! A casa fica numa localização privilegiada em Carneiros (ao lado da igrejinha), onde até nos feriados mais movimentados é tranquilo. A água é morna, cristalina e paradona (quase rio) – ótimo para ir com crianças.

O dia a dia numa casa de praia

Tem que se ter em mente que um passeio desses com um bebê nunca vai ser igual a uma ida à praia antes de ter filho – óbvio! Ele tem os horários dele, você precisa se programar de acordo com as mamadas, a mudança de ambiente pode deixá-lo irritado e, claro, não se tem a liberdade de ir e vir com ele a tiracolo na hora que quiser. Então não adianta criar expectativas, achando que vai passar o dia no mar com um bebê ou ficar na areia curtindo o tempo todo porque não rola. Se for mais gente da família com vocês é legal porque você pode deixar ele com alguém para aproveitar um pouco também. Como os avós de Theo foram, conseguimos curtir muito ele, mas também fomos à praia tranquilamente.

praia com bebê - theo na piscininha

Considerações finais

Escolhemos direitinho o destino, a hospedagem, fizemos as malas e partimos para curtir nosso Carnaval longe da folia que a gente tanto ama. E foi uma delícia! Não tivemos problema com mudança de ambiente e rotina, ele adorou a rede, dormiu bem no berço da casa e ainda tomou banho de mar no fim da tarde todos os dias – contei sobre os cuidados com bebê na praia aqui. Nós curtimos bastante nosso Theo e tiramos algumas experiências para as próximas vezes – como não esquecer a babá eletrônica e levar mais algum brinquedinho que ele realmente goste para entreter durante a viagem. Foi uma experiência curta, num lugar tranquilo, sem muitos passeios e agitos, mas válida para irmos pegando aos pouquinhos o jeito de uma viagem com bebê. Afinal, daqui para frente pretendemos sair bastante por aí com ele no colo, mostrando as maravilhas desse mundão. Ah! E sempre registrando por aqui, claro. 😉

viagem com bebê - theo na rede

Share Button

Deixe uma resposta